Cultura Maker

Você já ouviu falar em Cultura Maker?!
É a cultura que valoriza a experimentação, o aprendizado “mão na massa” ou “faça você mesmo”.

Foi assim a vivência realizada pelos 2º e 3º anos.
Em um clima de muita colaboração, criatividade e empatia; os estudantes colocaram a mão na massa para produzir protótipos e propor soluções a partir de desafios lançados pelas professoras, baseados em temas como: justiça, injustiça e cultura da paz. Ao realizar as construções, as crianças usaram materiais simples como papelão, lápis coloridos, balões de festa, canudos, barbantes etc. Assim, os estudantes aprendem levantando hipóteses, testando, compartilhando descobertas e informações, desenvolvendo a resiliência, frente às dificuldades e cultivando laços entre eles.

Culinária Junina

Neste período junino, a nossa culinária esteve recheada com receitas de milho e, aproveitando a oferta do milho na nossa feirinha orgânica, organizamos um momento da culinária que foi desde a compra do ingrediente, onde cada criança pôde planejar, pensar no valor que possuía e na quantidade que poderia comprar, como também no troco que iria receber, se fosse o caso.

A vivência foi cheia de descobertas, tanto monetária quanto informativa sobre qual o milho ideal para cozinhar, assar e preparar outras receitas.

O melhor foi a degustação principalmente do milho cozido, que foi muito apreciado por todos.

Projeto Família

Dia 5 de junho é o dia mundial do meio ambiente. Aproveitando o projeto de interação com a família realizado com a turma do infantil IV no Lubienska, nós, Valdylene (mãe da Helena) e Rebeca (mãe de Boaz), fizemos uma atividade a fim de que as crianças pudessem refletir um pouco sobre as questões ambientais.

Começamos a atividade conversando com eles sobre o dia do meio ambiente e formando, com as informações dadas por eles, o conceito de meio ambiente. A partir do conceito, analisamos através de gravuras, ações de descuido e de cuidado com nosso planeta. As crianças participaram super empolgadas a apresentaram MUITO interesse neste tema.

Concluímos a apresentação das imagens listando ações que fazem mal pra o nosso planeta deixando ele triste e doente  e também listamos o que fazer para deixar o planeta feliz e saudável. Além disso, ressaltamos que cada um de nós temos  a missão de cuidar do espaço em que vivemos!

Para dar suporte à parte prática da nossa atividade, enfatizamos que entre tantos cuidados que podemos ter com o planeta como proteger a árvores e plantar mais delas trazem muitos benefícios para o meio ambiente. Um dos principais benefícios seria a purificação do ar, já que as plantas retiram alguns gases poluentes do ar e nos devolvem o gás que respiramos. A partir dessa discussão, levamos as crianças para um espaço livre e plantamos duas mudas no canteiro da escola e cada criança plantou sementes de uma plantinha para cuidar em casa. Encerramos entregando para eles um material para pintar e fixar a importância de nos reconhecermos como responsáveis por cuidar do bem estar do planeta.

Para mim, Valdylene,  a experiência foi maravilhosa!! Ver o interesse das crianças por um tema tão importante é algo gratificante. Não existe desenvolvimento sem investir em educação e meio ambiente. Sentir que nossas crianças estão atentas a isso é algo que traz esperança!! Além disso, sou formada em Ciências Ambientais e contribuir aplicando elementos da minha formação foi muito gratificante. Finalmente, agradeço a oportunidade e confiança; e sai maravilhada por ter conseguido plantar no coração das crianças mais uma sementinha de preocupação com as questões ambientais.

Protagonismo Estudantil

O mundo e o tempo estão mudando. Constantemente, o tempo todo. E claro, Educação também. Falamos muito em competências e habilidades para o futuro e a música do Pink Floyd ainda parece tão atual: “We don’t need no education”. Sim, não precisamos da educação que mantém velhos padrões.

Há 50 anos, decidimos que educação é sinônimo de diálogo e pensando dessa forma, acreditamos que o protagonismo estudantil não pode ficar de fora dessas transformações da educação. Retomamos no mês de maio um projeto da escola que envolve gestão compartilhada e protagonismo estudantil. Pensamos em uma educação para além do conteúdo e, assim, fazemos e pensamos um currículo vivo.

Reunimos os representantes de turmas, Direção Pedagógica, Mantenedores e Serviço de Psicologia para discutirmos e implementarmos um fórum onde estudantes tenham vez, voz e atuação. Organizamos algumas propostas e, em breve, gestaremos uma agenda criativa e de muitas aprendizagens.

Por hora, os nomes são muitos para esse grupo, estamos em pleno processo de escolhas e de tomadas de decisões com os/as estudantes.

Quer saber mais como se protagoniza a própria vida? Acompanhe a gente em nossas redes sociais. Em breve, o nome do grupo e a pauta de trabalho será divulgada. Siga o Lubienska, conferindo as nossas ações: mais que alunos, desenvolvemos cidadãos!

 

Projeto:Escambo de Saberes

O projeto “Escambo de Saberes” é uma ação voltada para os estudantes das séries finais do Ensino Fundamental e Médio e tem como objetivo criar a troca de saberes, a aprendizagem colaborativa e fortalecimento de laços. Acreditamos em que todas as pessoas têm diversos saberes, além de poderem ensinar e aprender umas com os outras. A ação iniciou nesta semana, sendo bem fácil participar: no mural do Fundamental II e Médio está uma tabela onde você pode deixar escrito quais conteúdos você precisa de alguma ajuda. Quem se dispuser a ajudar, deixa sua disponibilidade e contato. A ideia é que possamos criar uma onda colaborativa de troca de saberes e aprendizagens. Vamos participar!
#Lubienska

 

Planta baixa

Espaço, localização, tempo, área, perspectivas. Não, não estamos falando de uma aula de arquitetura. É a turma do 2º ano aprendendo sobre Planta Baixa como parte dos conteúdos vivenciados, nesta unidade, em Geografia e História.

A turma recebeu a visita de Renildy Barros, mãe de Francisco (estudante da turma), e de João, estudante do 8º ano, para uma manhã alegre e de muita aprendizagem.

As crianças aprenderam sobre área e vista aérea de sua própria sala com uma maquete da mesma e, com isso, mobilizaram conhecimentos da Matemática, da Geometria, da Geografia, dentre outros.

É culinária, é tênis, é aula de artes? É tudo isso junto!

A turma do primeiro ano se divertiu muito com essa atividade de culinária! O objetivo era fazer tapioca, mas essa turma e sua professora, a tia Fátima, inventaram muitas outras coisas e aprenderam pra valer! A partir da preparação da tapioca em uma aula de culinária, além de explorar conceitos da matemática e de ciências, as crianças puderam desenvolver a escrita e a leitura de palavras com o “P” de peneira. Elas criaram desenhos livres a partir da silhueta da peneira, um jogo das palavras peneiradas, onde só entrava na peneira palavras que pudessem ser peneiradas como a farinha, ampliando vocabulário e compreensão da composição de diversos materiais. Por fim, no parque, as peneiras tornaram-se raquetes e todos se divertiram trabalhando equilíbrio, reflexo, força e movimento.

Prática: Construção de lâminas para visualização de células

O 8º ano está estudando análise de células. Com a orientação da Professora Fabiane Rodrigues, estão explorando o laboratório com a construção de lâminas para observação celular e a construção de um modelo celular eucarionte animal. Além disso, os estudantes vêm produzindo relatório de suas experimentações. A ideia é unir ao conteúdo, a prática laboratorial com o registro científico dessas observações, ampliando a compreensão de como se dá a produção do conhecimento científico. Dá só uma olhada!

 

I FESTIVAL ESPORTIVO LUBIENSKA!

O Primeiro Festival Esportivo Lubienska aconteceu com lindas apresentações das escolinhas de Dança Brasílica e Ginástica Artística, além das grandes jogadas dos nossos atletas de Voleibol, Basquete e Futsal. Foram dois dias de muita interação, valorização e incentivo à prática de esportes.

#Lubienska
#incentivoaoesporte